Fundo
Segunda-feira, 08 de Março de 2021
Baixe o app do Comece o dia feliz
Play Store App Store

Evangelho do dia 27/01/2021

3ª Semana do Tempo Comum - Ano B - Verde
1ª Leitura: Hb 10,11-18 Salmo: Sl 110(109) - Domina no meio dos teus inimigos!
evangelho
O semeador semeia a palavra - Mc 4,1-20

Outra vez, à beira-mar, Jesus começou a ensinar, e uma grande multidão se ajuntou ao seu redor. Por isso, entrou num barco e sentou-se, enquanto toda a multidão ficava em terra, à beira-mar. Ele se pôs a ensinar-lhes muitas coisas em parábolas. No seu ensinamento, dizia-lhes: “Escutai! O semeador saiu a semear. Ao semear, uma parte caiu à beira do caminho, e os passarinhos vieram e comeram. Outra parte caiu em terreno cheio de pedras, onde não havia muita terra; brotou logo, porque a terra não era profunda, mas, quando o sol saiu, a semente se queimou e secou, porque não tinha raízes. Outra parte caiu no meio dos espinhos; estes cresceram e a sufocaram, e por isso não deu fruto. E outras sementes caíram em terra boa; brotaram, cresceram e deram frutos: trinta, sessenta e até cem por um”. E acrescentou: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça!” Quando ficaram a sós, os que estavam com ele junto com os Doze faziam perguntas sobre as parábolas. Ele dizia-lhes: “A vós é confiado o mistério do Reino de Deus. Para aqueles que estão fora tudo é apresentado em parábolas, de modo que, por mais que olhem, não exergam, por mais que escutem, não entendem, e não se convertem, nem são perdoados”. Jesus então perguntou-lhes: “Não compreendeis esta parábola? Como então, compreendereis todas as outras parábolas? O semeador semeia a palavra. Os da beira do caminho onde é semeada a palavra são os que a ouvem, mas logo vem Satanás e arranca a palavra semeada neles. Os do terreno cheio de pedras são aqueles que, ao ouvirem a palavra, imediatamente a recebem com alegria, mas não têm raízes em si mesmos, são de momento; chegando tribulação ou perseguição por causa da palavra, desistem logo. Outros ainda são os que foram semeados entre os espinhos: são os que ouvem a palavra, mas, quando surgem as preocupações do mundo, a ilusão da riqueza e os outros desejos, a palavra é sufocada e fica sem fruto. E os que foram semeados em terra boa são os que ouvem a palavra e a acolhem, e produzem frutos: trinta, sessenta e cem por um”.

Bíblia Sagrada, tradução da CNBB, 7ª ed., 2008.
Clique nos títulos para ler o conteúdo.
Oração Inicial

“Escutai!” Esta é a atitude fundamental para acolher em profundidade a Palavra de Deus. A acolhida do Reino depende da escuta da Palavra e da liberdade do destinatário para que a semente da Palavra caia no coração e produza bons frutos.


Oremos: “Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, despertai meus ouvidos para que eu possa escutar como discípulo(a) a Palavra de Deus. Que o meu coração seja uma terra boa para que vossas palavra seja semeada e possa dar muitos frutos bons. Amém!”

Leitura (Verdade)

Leia pausadamente e com profunda atenção a parábola do semeador que saiu para semear. O que ele semeia? Onde caíram as sementes? Como foram cultivadas essas sementes? O que aconteceu com a semente que caiu em terra boa? Jesus explica que a semente que o semeador semeia é a palavra. Quais as definições de Jesus para as sementes que caíram à beira do caminho, no terreno pedregoso, entre os espinhos e na terra boa? Qual a produção daqueles que ouvem e acolhem a semente da Palavra?

“Esta parábola apresenta três referências: o semeador, a terra e a semente. Inicialmente é dada ênfase ao semeador. Em sua generosidade, ele lança semente por toda parte. Depois, vem a terra em sua diversidade. A produtividade das sementes que caíram em terra boa compensa as sementes que se perderam em outro tipo de terreno. Nesse sentido, a tarefa do semeador é recompensada. Nós somos os semeadores e temos a missão de semear com abundância. Outras vezes, somos a terra dura, com pedras e espinhos. Mas há a terra boa que compensa todo o trabalho. Marcos não diz qual o tipo de cultura a que se referia, provavelmente trigo. A produtividade oscilava entre 10 e 13 grãos. Mas a Palavra de Deus surpreende podendo chegar a 100 grãos.” (Viver a Palavra – 2021. Frei Aldo Colombo - Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)

Agora, vamos trazer a reflexão da Palavra para a vida. O que o texto diz para mim?
O que as parábolas lhe dizem? Que aspectos do mistério de Deus esta passagem possibilita conhecer? Qual traço de Jesus a Palavra lhe revela? O que Jesus pede a você hoje?

Oração (Vida)

“Ó Senhor Jesus Cristo, abre os olhos do meu coração para que eu possa ouvir a tua Palavra, que eu entenda e faça a tua vontade, pois sou um peregrino na Terra. Não escondas de mim os teus mandamentos, mas abre os olhos, para que eu possa perceber as maravilhas da tua lei. Fala para mim as coisas ocultas e secretas da tua sabedoria. Em ti coloco minha esperança, ó meu Deus, de iluminar minha mente e meu entendimento com a luz do teu conhecimento; não apenas para valorizar as coisas que estão escritas, mas para realizá-las, pois tu és a luz para aqueles que jazem nas trevas, e de ti vem toda boa ação e toda graça. Amém.” (São João Crisóstomo).

Contemplação (Vida e Missão)

Contemple o convite de Jesus para escutar e acolher a Palavra. Qual sua atitude a partir da escuta atenta da parábola do semeador?

Bênção

Deus Pai do céu me abençoe e me cuide
Esteja à minha frente para me mostrar o caminho correto.
Atrás de mim para me sustentar em todos os desafios
Acima de mim para me proteger contra os perigos que vem do alto
Que Deus esteja em meu coração como chama ardente, e que a luz dele ilumine minha vida e me aqueça para a virtude.
Que Ele me cerque por todos os lados e jamais permita que eu me afaste dele. Amém.

Ir. Carmen Maria Pulga

Semeador, semente, terreno. Semente de qualidade, semeador perseverante até encontrar terreno bom. A semente é a Palavra. Semeador e terreno podem ser você e eu!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas.